Aquisições da Semana

Seguem abaixo alguns títulos de livros que foram recentemente incorporados ao acervo da Biblioteca:
Adolescente e o psicanalista, O. Autor: Jean-Jacques Rassial. Editora: Companhia de Freud. Ano: 1999. ISBN: 8585717238

Embora inúmeros pacientes de Freud fossem, se não adolescentes, pelo menos adultos muito jovens, os trabalhos sobre adolescência permaneceram por muito tempo marginais, em prol particularmente das pesquisas sobre a primeira infância. Somente nos últimos anos, principalmente na França, é que livros e revistas dedicam-se à adolescência. Mas a cura psicanalítica do adolescente e, mais geralmente, a relação com a adolescência esbarram em grandes dificuldades, particularmente porque este interroga mais sobre o que é do que sobre o que faz. Jean-Jacques Rassial indica as vias de uma resposta possível do psicanalista, ou de qualquer um que tanto a ela intervenha, às verdadeiras questões da adolescência sobre sua identidade, seu corpo, seu lugar, traduzam-se elas em seu discurso ou em uma patologia (perturbação escolar, toxicomania, delinqüência, comportamento suicida, etc.).

Biocorrosão, biofouling e biodeterioração de materiais. Autor: Héctor A. Videla. Editora: Edgard Blucher Ltda. Ano: 2003. ISBN 852120311-X

Este livro é dirigido aos profissionais da indústria química. De fácil assimilação, mostra os aspectos básicos da microbiologia, eletroquímica, biocorrosão e biofouling de metais e outros materiais. Entre outros tópicos, descreve como monitorar os efeitos da biocorrosão e do biofouling em laboratório e no campo.

Design cultura material. Organizadores: Marilda Lopes Pinheiro Queluz. Editora: UTFPR. Ano: 2012. ISBN 9788570141026

Móveis de vime, objetos reutilizados na decoração, portas, design pop, refrigeradores, calçados de plástico, frascos de perfume, cenários de filmes, fotografias analógicas e digitais, cédulas de dinheiro, caricaturas, artesanato e conceito de design: estes são alguns dos artefatos estudados nos capítulos deste livro que quer relacionar design e cultura material, exatamente para aprofundar a reflexão sobre as relações sociais e mediações culturais que estabelecemos com o mundo e com os outros.

Lanterna mágica – uma autobiografia: Ingmar Bergman. Autor:  Ingmar Bergman. Editora: Cosac Naify. Ano: 2013. ISBN 9788540503090

Autobiografia do renomado cineasta sueco Ingmar Bergman, Lanterna mágica é um livro instigante e arrebatador. Entre as passagens mais interessantes, a conturbada relação de Bergman com seu pai, um pastor protestante, e o momento decisivo em que descobriu a magia redentora do cinematógrafo, instrumento capaz de transformar um mentiroso num grande artista. A obra apresenta poucos detalhes sobre os filmes realizados e concentra-se nos pormenores da infância e formação no teatro. No entanto, em todo o livro, a voz do narrador se mantém inconfundível: o tom ácido e sarcástico, característico de Ingmar Bergman.

Manual de produção de jogos digitais. Autor: Heather Maxwell Chandler. Editora: Bookman. Ano: 2012. ISBN 9788540701830

Guia completo para a produção de jogos digitais, este livro traz todas as informações que um produtor, um líder de equipe ou um gerente de estúdio precisa para desenvolver um jogo, do conceito à pós-produção. São apresentados tópicos gerais – como pré-produção, testes e liberação do código –, bem como tópicos específicos – como gravações de voiceover e motioncapture, tradução e localização e fornecedores externos. Depoimentos de especialistas da indústria discutem experiências de profissionais da área e dão exemplos de situações reais. Ao final do livro, um projeto de jogo fictício ilustra em detalhes o ciclo de produção, a documentação e muitos outros conceitos do desenvolvimento de jogos digitais.

Manual de psicologia hospitalar: o mapa da doença. Autor: Alfredo Simonetti. Editora: Casa do Psicólogo. Ano: 2011. ISBN: 9788580400373

Estratégias psicológicas para lidar com pessoas adoentadas – é disto que trata este livro. O seu conteúdo corresponde a um curso básico de psicologia hospitalar. Este apresenta as noções fundamentais da disciplina e propões um método de trabalho para o psicólogo hospitalar que se divide em dois passos: diagnóstico e terapeuta. O diagnóstico ensina olhar para além do biológico, identificando os aspectos psicológicos em torno do adoecimento. A terapêutica descreve as principais estartégias e técnica da psicologia hospitalar, instrumentalizando o psicólgo para o seu trabalho na caena hospitalar. Um apêndice intitulado “remédios em psicologia hospitalar” resume os fundamentos da farmacologia clínica e da linguagem médica, facilitando a comunicação do psicólogo com outros profissionais de saúde.

Sobre a interpretação dos sonhos. Autor: Artemidoro de Daldis. Editora: Jorge Zahar. Ano: 2009. ISBN 9788537801581

Para os antigos, alguns sonhos tinham o valor de presságio. O pensador grego Artemidoro de Daldis se debruçou justamente nesses que podem conter indicações para o futuro. Enumerou os temas mais recorrentes e seus respectivos significados, que variam de acordo com o perfil e o contexto de quem sonha, e complementou sua teoria com a análise de 95 sonhos coletados durante peregrinações pela Grécia, Ásia e Itália. Essa preciosa fonte de informações para os estudos da cultura clássica, escrita no século II, chega pela primeira vez ao leitor brasileiro. Não à toa serviu de referência a Freud ao compor, em 1900, a obra máxima da psicanálise: A interpretação dos sonhos.

Solo. Autor: Rana Dasgupta. Editora: Benvirá. Ano: 2011. ISBN: 9788502116894

Com audaciosa imaginação e brilhantismo lírico, Rana Dasgupta pinta um retrato do século XX por meio da história de um cego centenário. No primeiro movimento de Solo, conhecemos o búlgaro Ulrich, filho de um engenheiro ferroviário. Ele tem duas grandes paixões: o violino e a química. Rejeitado pelo pai, Ulrich vai à Berlim de Einstein para estudar com Fritz Haver. Porém, quando a fortuna da família evapora, ele tranca o curso e volta a Sófia para cuidar dos pais. Ulrich nunca mais deixa a Bulgária, exceto em seus devaneios e são estes os sonhos que conhecemos no volátil segundo movimento do livro. Em um salto radical do passado para o presente, da vida vivida para a vida imaginada, Dasgupta segue com a fantasia infantil de Ulrich, nascido do comunismo, mas trilhando seu caminho no mundo pós-comunista marcado pelas celebridades e pela violência. Entrelaçando ciência e desgosto, o velho e o novo mundo, o real e o imaginário, Solo anuncia a voz de um virtuose da literatura.

Tempo e clima no Brasil. Organizadores: Iracema Fonseca de Albuquerque Cavalcanti et al. Editora: Oficina de Textos. Ano: 2009. ISBN: 9788586238925

Na primeira parte do livro, aprofundam-se os principais sistemas meteorológicos que atuam na América do Sul e no Brasil, descrevendo fenômenos enriquecidos por modelos e registros. O clima das regiões Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste e Sul, compõe a segunda parte, e a terceira, tem por objeto a variabilidade climática que acirra enchentes e secas. O aquecimento global, as mudanças climáticas e os cenários sobre o meio ambiente e atividades econômicas no Brasil durante o século XXI conferem a Tempo e Clima no Brasil uma sintonia fina com as grandes questões ambientais a serem enfrentadas pela atual e próximas gerações.

Fonte: Divulgação

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s